realanimal.jpg

Notas do capital brasileiro - cédulas do irreal

 

Os desenhos dos animais estampados na moeda nacional “cumprem o papel de valorização à natureza”, disse o jornal.

“ Representar espécies da fauna brasileira nas cédulas veio ao encontro de preocupações sociais contemporâneas com a proteção da fauna e flora,

e a preservação do meio ambiente”, diz a imprensa do Banco Central.

 

A minha nota eu escrevo aqui, de maneira racional:

 

Quanto vale aquele rio que era doce

Agora enterrado na lama do seu rejeito? 

Acabou-se.

E a flora não preservada, desmatada, queimada?

O foco não deveria ser o de incêndio

O alarme já tocou faz tempo

Para a sua cobiça ilimitada.

Adversidade versus Biodiversidade

O beija flor já não vale nem mais um real

A tartaruga de pente já é quase extinta pela caça ilegal

E agora pelo óleo derramado no litoral

A garça branca já não pode mais voar,

Precisa das suas penas pra alguma cabeça confortar

A arara já vermelhou pelas regiões Nordeste e Centro-Oeste 

O mico leão é dourado como ouro

A onça pintada mal tem onde estar,

Perdido e fragmentado está o seu habitat

E a garoupa e outros peixes continuam a se afogar

Dentro do seu próprio mar.

 

Que belo tesouro nacional!

 

Dark ship - assim navegamos às sombras dos podres poderes.

 

Brasil, qual é o seu plano real?

Até agora, esse foi o rendimento do seu capital.

 

#capitalismoselvagem

#realanimal

2019/2020